Cursos

Senai-ES abre mais de 11 mil vagas em cursos técnicos

Os interessados devem ter, no mínimo, 16 anos completos

O Senai-ES está com mais de 11 mil vagas em cursos técnicos e de curta e média duração para 2020. As matrículas já estão abertas e informações podem ser conferidas no site senaies.com.br/matriculas2020 ou na unidade mais próxima.

> Procurando emprego? CLIQUE e participe do novo grupo de Whatsapp

Transformando conhecimento em oportunidades, a grade curricular dos cursos do Senai é voltada para desenvolver as competências técnicas e socioemocionais do aluno, preparando-o para lidar com as tecnologias da Quarta Revolução Industrial, tais como Internet das Coisas (iOT), Lean Manufacturing, Big Data, Robótica, o que os habilita para o rápido ingresso na carreira escolhida.

No curso técnico do Senai ES, o aluno tem um aprendizado focado na prática, por meio de simulações e projetos que são desenvolvidos em laboratórios modernos. Para 2020, a instituição oferece 2.039 vagas para 12 cursos técnicos, sendo dois deles novidades do portfólio: Técnico em Produção de Moda e Técnico em Qualidade.

Há vagas também para os técnicos em: Automação Industrial, Desenvolvimento de Sistemas, Edificações, Eletrotécnica, Logística, Manutenção Automotiva, Mecânica, Meio Ambiente, Refrigeração e Climatização; e Segurança do Trabalho.

As oportunidades estão divididas entre as unidades de Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Serra, Vila Velha e Vitória.

Os interessados devem ter, no mínimo, 16 anos completos, estar cursando a 2ª ou 3ª série do Ensino Médio, ou comprovar a conclusão das atividades escolares. Para realizar a matrícula, o candidato deve preencher o requerimento e entregar os documentos na Secretaria das unidades do Senai. Para menores de 18 anos, é necessário o acompanhamento de um responsável, portando documento de identificação.

Os documentos solicitados são: duas fotos 3×4, Certidão de Nascimento ou Casamento, Identidade, CPF, Título de Eleitor, Certificado de Reservista/ Alistamento Militar, Comprovante de endereço atualizado (recebido pelo Correios), CEP e histórico escolar ou declaração de ensino Médio (2º ou 3º ano).

Informações podem ser obtidas nas unidades de ensino do Senai-ES de segunda a sexta-feira das 8h às 20h ou pelo site senaies.com.br/matriculas2020.

Diferenciais dos cursos técnicos do Senai

No Espírito Santo, seis em cada dez formados no ensino técnico do Senai estão empregados. Em áreas como metalmecânica, a taxa de empregabilidade chega a superar os 72% entre profissionais que concluíram cursos até o ano de 2017 e conseguiram ingressar no mercado de trabalho no ano de 2018.

“No Senai Vitória, por exemplo, dos 80 alunos de cursos técnicos no setor automotivo, 64 estão trabalhando na área”, ressalta o diretor regional do Senai ES, Mateus de Freitas.

Além disso, pesquisas de mercado mostram o nível de satisfação do setor industrial capixaba com os egressos do Senai ES: 96,1% das empresas têm preferência por egressos da instituição na hora de contratar novos profissionais. A taxa de satisfação também é alta entre os egressos: 97,3% indicaria os cursos técnicos do Senai.

Quando o assunto é salário, os números também são atrativos: o aluno egresso de um curso técnico do Senai pode ter um incremento na renda média mensal em até 27,1%.

Entre os diferenciais dos cursos técnicos do Senai ES que explicam esses números positivos está o tempo de duração: com o mínimo de 12 meses e máxima de 24 meses, a habilitação técnica oferecida pela instituição aumenta significativamente as chances do aluno em conseguir uma inserção mais rápida no mercado de trabalho. Assim, ao invés de passar quatro, cinco ou seis anos dentro de uma graduação tradicional, o estudante consegue uma otimização de tempo e um estímulo para um aprendizado mais eficaz.

Além disso, ao invés de trabalhar apenas ao término da graduação tradicional, o profissional pode já estar empregado ao sair do aprendizado técnico, inclusive com chances de atuação na área de gestão. Isso porque o Senai preza pelo desenvolvimento individual do aluno para além do conhecimento técnico.

O custo também é um diferencial, com mensalidades a partir de R$ 290 reais e desconto de 20% para profissionais da indústria. As mensalidades podem variar de acordo com a capacitação escolhida, mas tendem a ser menores que as graduações tradicionais.

Cursos de Média e Curta Duração

O Senai oferece 9.344 vagas em cursos de qualificação e aperfeiçoamento profissional nas unidades do Estado. Alguns deles já estão com vagas abertas para serem realizados durante o verão.

Esses cursos são de Formação Inicial e Continuada (FIC), com curta e média duração, voltados para quem quer aprender uma nova profissão, se qualificar ou se aperfeiçoar na área em que já atua.

Os interessados em se matricular em um desses cursos, deve procurar a unidade Senai mais próxima. Os preços variam de acordo com área escolhida. Independente da modalidade, o aluno conta com a facilidade de parcelar o valor de acordo com a duração do curso escolhido e, além disso, trabalhadores das indústrias associadas têm 20% de desconto. Para informações sobre valores, interessados devem procurar a unidade ou entrar em contato com o SAC pelo telefone (27) 3334-5929 ou pelo e-mail sac@senai-es.org.br.

Conheça os novos cursos

TÉCNICO EM PRODUÇÃO DE MODA

Ênfase: Gestão de Imagem e Visual Merchandising

Duração: 12 meses

Investimento: mensalidades a partir de R$232,00* (*valor considerando o desconto de 20% para o trabalhador da indústria associada)

O curso: neste curso o aluno conhecerá recursos de divulgação de produtos de moda. Isso inclui a produção de catálogos, desfiles e atuação em meios de comunicação como revistas e sites moda. Também vai aprender sobre tendências de moda, de mercado e lançamentos, além de elaborar looks para publicidade, vitrines, e exposições, entre outros modelos de divulgação.

Onde fazer: Colatina e Vila Velha.

Perfil profissional: o profissional de produção de moda é capacitado à elaborar, executar e coordenar projetos para a comunicação da moda, seguindo princípios estéticos, normas técnicas, de qualidade, meio ambiente e de saúde e segurança no trabalho.

Mercado de trabalho: o técnico em produção de moda é o profissional que vai colocar a mão na massa. Será o funcionário multitarefa que as empresas do ramo tanto procuram ultimamente. Ele poderá fazer looks diversos, que podem estar focados tanto em exposições, vitrines e produção publicitária quanto em desfiles.

TÉCNICO EM QUALIDADE

Ênfase: Gestão de Processos

Duração: 15 meses

Investimento: mensalidades a partir de R$232,00* (*valor considerando o desconto de 20% para o trabalhador da indústria associada)

O curso: neste curso o aluno será capacitado para dar o apoio técnico a implementação e a manutenção dos sistemas de gestão da qualidade, controlar a qualidade de produtos e processos e atuar em auditorias de sistemas de gestão da qualidade, considerando os padrões, normas, procedimentos e requisitos técnicos, de qualidade, de saúde e segurança e de meio ambiente pertinentes.

Onde fazer: Linhares e Vila Velha.

Perfil profissional: após a formação técnica, o profissional de qualidade poderá elaborar manuais, procedimentos, diagnósticos e relatórios de processos de qualidade das organizações. Registrar o controle de qualidade, elaborar e executar auditorias internas de qualidade, acompanhar auditorias externas, divulgar os procedimentos de qualidade e propor ações de informação e formação específica, identificar inconformidades em serviços, produtos, processos e suas possíveis causas, bem como propor ações corretivas e preventivas.

Mercado de trabalho: a atividade do técnico em qualidade é desenvolvida em instituições públicas e privadas dos mais variados portes, segmentos (industriais, comerciais e de serviços), empresas do terceiro setor, empresas de consultoria e de auditoria, podendo, ainda, atuar de forma autônoma.